Evangelização: Considerações Bíblicas Básicas



1. Uma coisa me preocupa muito: o fato de que cada crente prestará contas se e de como pregou o Evangelho aos perdidos. Isso me leva a crer que quem não prega o Evangelho pode estar indo para o inferno.

2. É indispensável que compreendamos o valor e o imperativo de uma espiritualidade proveitosa com uma profunda paixão pelas almas.

3. Só quem pode pregar as boas novas de salvação em Jesus Cristo é quem antes se converteu ao Evangelho.

4. Transformada (convertida) pelo Evangelho é uma pessoa que foi perdoada do seu pecado e reconciliada e agraciada com Deus, através única e exclusivamente de Jesus.

5. Pregar o Evangelho significa anunciar Cristo como único e suficiente Senhor e Salvador.

6. Hoje estão pregando todo tipo de coisas: bens materiais, curas, sucesso no amor, etc; menos o Evangelho.

7. Devemos evangelizar porque Deus fala em sua Palavra revelada que devemos pregar o Evangelho.

8. Tenho pra mim que naquele Dia Deus não vai nos cobrar quantidade ou números, mas santidade, obediência e fidelidade.

9. Outro fato que me preocupa é a necessidade de que muitas de nossas igrejas precisam ser evangelizadas. Elas não sabem o que é o Evangelho de Jesus Cristo.

10. Um sinal de que uma igreja precisa ser evangelizada é que ela não testemunha a maravilhosa glória de Deus.

11. A obrigação de pregar o Evangelho é um compromisso de obedecer às Escrituras.

12. A evangelização é marcada e abalizada pelo teor bíblico.

13. Toda evangelização deve ser cristocêntrica.

14. Precisamos resgatar a centralidade da Palavra de Deus na evangelização.

15. O Evangelho é o coração da fé cristã; por isso, precisa estar no coração de nossas congregações.

16. A proclamação do Evangelho, como mandamento ordenado por Deus em sua Palavra, exorta os crentes a glorificarem a Deus.

17. O motivo basilar e essencial da ordem evangelizadora deve ser teocêntrico.

18. A proclamação do Evangelho brada os pecadores a que se arrependam do pecado da descrença e creiam em Deus.

19. O papel do Espírito Santo na evangelização é indispensável e imperioso.

20. A evangelização exerce sua finalidade divina na adoração a Deus.
Soli Deo Gloria.

Nos laços do Calvário que nos une,
Rev. Luciano Paes Landim.


Bibliografia Consultada:

Dever, Mark. O Que é Uma Igreja Saudável? São José dos Campos, SP: Editora Fiel, 2009.
___________. O Evangelho e a Evangelização. São José dos Campos, SP: Editora Fiel, 2011.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A IMPORTÂNCIA DA FIDELIDADE DOS DÍZIMOS E DAS OFERTAS

A ORAÇÃO É A CHAVE PARA A OBRA MISSIONÁRIA