A Igreja Que Queremos Ser (01):


Uma igreja alicerçada na Palavra de Deus

Atos 2.42 diz: “E perseveravam na doutrina dos apóstolos...”. A Palavra de Deus é o conteúdo fundamental e exclusivo para o desenvolvimento e amadurecimento espiritual da igreja. É a verdade de Deus revelada aos apóstolos:

1. Tudo o que Jesus ensinara.
2. O Evangelho: morte e ressurreição de Jesus.

John Stott afirmou: “Toda a Escritura prega o evangelho. Deus evangeliza por meio dela”. A Bíblia é o clamor de Deus em linguagem humana. Todas as doutrinas e ensinos estranhos à Escritura devem ser recusados. Os reformadores reafirmaram a superioridade da Escritura sobre a tradição. “A Escritura é a escola do Espírito Santo na qual nem se tem deixado de pôr coisa alguma necessária e útil de conhecer, nem se ensina mais do que é preciso saber” (João Calvino).


Toda a Escritura é inspirada por Deus. Ela não é fruto da lucubração humana, mas da revelação divina. Nenhum homem ou igreja tem autoridade para adicionar a ela coisa alguma ou dela remover sequer uma palavra.

A Bíblia é a nossa suprema autoridade em questão de fé e prática. Nenhum dogma, conhecimento ou experiência pode ser acolhido se não contiver embasamento na Palavra de Deus. A Bíblia não tem uma opinião ou uma palavra sobre os pontos essenciais que aborda, mas a verdade última, final e absoluta.

A Bíblia não contém erros. Ela é infalível e indefectível em sua mensagem e inerrante em seu conteúdo. O Senhor Jesus foi determinante quando afirmou: “... a Escritura não pode falhar” (Jo 10.35).

A Bíblia é também definitivamente suficiente para nos doutrinar, exortar e prover para conhecermos a vontade de Deus e obedecê-la. Procurar outros meios fora da Escritura, como profecias, revelações, sonhos e visões, está em completo desacordo com o ensino da própria Escritura. Não podemos acolher a autoridade da Bíblia e ao mesmo momento corrermos atrás de outras fontes para conhecermos o que Deus tem para nós. Deste modo, devemos meditar (Js 1.8), praticar (Mt 7.24-27) e pregar a Palavra de Deus (Mt 28.19-20).

Uma igreja comprometida com missões é antes de qualquer coisa uma igreja bíblica, uma igreja fundamentada somente nas Escrituras Sagradas e em todas as Escrituras Sagradas.

Nos laços do Calvário que nos une,
Rev. Luciano Paes Landim.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A IMPORTÂNCIA DA FIDELIDADE DOS DÍZIMOS E DAS OFERTAS

ESTRATÉGIAS DE EVANGELIZAÇÃO URBANA (Parte 01)