A Necessidade de Reevangelização




Jesus nos mandou contar a todas as nações as boas novas (Mt 28.18-20), mas não temos feito isso. Por que nós, que temos a melhor notícia do mundo, somos tão demorados em contá-la aos outros? Talvez pensemos que estamos evangelizando quando, de fato, não estamos ou talvez porque ainda não conhecemos de fato o evangelho de Jesus Cristo.

Tristemente, chegamos numa época em que precisamos reevangelizar muitas igrejas em nosso país. Antes, batizávamos os convertidos, agora devemos tentar converter os batizados. É por isso que evangelizo “crentes” que não tem visão missionária. Na verdade, eles são verdadeiros campos missionários que precisam ser alcançados. Aquele que não ama missões é possível que nunca tenha encontrado Cristo. Se você diz que ama a Deus, mas não tem visão missionária, então você é um mentiroso. O Príncipe dos Pregadores, Charles Spurgeon, disse: “Todo cristão ou é um missionário ou é um impostor”. Ser cristão é ser missionário.

Pergunto: Quando, então, vamos perceber que um dos grandes campos missionários do nosso país são os bancos das igrejas aos domingos?

Nos laços do Calvário que nos une, 
Luciano Paes Landim.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A IMPORTÂNCIA DA FIDELIDADE DOS DÍZIMOS E DAS OFERTAS

ESTRATÉGIAS DE EVANGELIZAÇÃO URBANA (Parte 01)